Varejo online: entenda os segredos para se destacar nesse segmento

Varejo online: entenda os segredos para se destacar nesse segmento

Tempo de leitura: 5 minutos

O segmento varejista é frequentemente definido como aquele em que a venda acontece diretamente ao consumidor final. No entanto, essa definição também torna claro um dos principais desafios enfrentados pelos negócios do setor: por se tratar de uma venda direta, é fundamental que ele compreenda as dores, comportamentos, necessidades e os desejos do seu público. A partir daí, a estratégia de se destacar dos concorrentes e finalmente efetuar a venda tem muito mais chance de ser bem sucedida. 

Se você possui ou trabalha em uma empresa do segmento varejista, certamente sentiu as mudanças trazidas pela popularização da internet e o crescimento do ambiente digital. Em  um contexto em que grande parte da população tem as mídias como parte integrante do cotidiano, estar presente nas redes significa não só mais visibilidade, mas a oportunidade da própria venda em si.

O que é o varejo online?

Se o varejo caracteriza as vendas feitas diretamente ao consumidor final, o varejo online diz respeito ao canal onde essa venda é realizada, neste caso, na internet. Os formatos dessa venda, no entanto, podem variar, e o varejo online pode acontecer por canais como:

  • Lojas virtuais
  • Site
  • Redes Sociais
  • Marketplaces

Uma loja pode, no entanto, mesclar o varejo físico com o varejo online, e essa já é uma estratégia comum e que pode ser percebida no dia a dia. Mas, por definição, o varejo online é aquele que acontece no ambiente digital.

Como se destacar nesse segmento?

Para se destacar no varejo online é necessário, antes de tudo, conhecer a dinâmica básica do ambiente digital – isto é, quais plataformas sua marca utilizará (site, whatsapp e instagram) e quais delas oferecem maior gama de benefícios para o seu negócio.

E se você está se perguntando: como vou saber qual é a melhor plataforma para o meu negócio? A resposta é simples (mas não é fácil), em qual plataforma o seu público costuma comprar? Quais são as redes sociais que ele usa e que você pode interagir com ele? Assim você conseguirá chegar a conclusão de qual plataforma pode te dar mais força de vendas.

Aqui neste texto, vamos abordar o sucesso no varejo online a partir de três elementos que, combinados, são capazes de dar solidez à sua estratégia independente do canal ou plataforma que você utilizar, eles são: (1) funcionalidade, (2) relevância e (3) constância. 

1. Funcionalidade

O elemento funcionalidade diz respeito ao nível de simplicidade e funcionamento da sua plataforma, que também pode ser traduzido a partir do ponto de vista da experiência do usuário. Assim, quando uma pessoa entra na sua plataforma, é preciso que você deixe bem claro:

  • O que você vende? Qual solução seu negócio entrega?

Não adianta possuir um instagram com um feed impecável se nele você não consegue apresentar de forma objetiva o que vende. Sua marca de roupas oferece peças casuais ou formais? Quais são os modelos que você trabalha? Até qual numeração a sua marca atende? Suas roupas são feitas a partir de algum material específico? Ao comprar suas mercadorias, o que mais o cliente está levando (estilo, apoio à projetos sociais, etc)?

  • Como alguém pode comprar/acessar essa solução?

Existe um botão direcionado à ação de compra? Estão disponíveis ícones para tirar dúvidas nas redes sociais? Na hora de estruturar o caminho de compras, tenha em mente sempre a estratégia de facilitar e encurtar esse caminho, para que a compra possa ser feita de maneira rápida, segura e satisfatória.

  • Quais são os caminhos para a compra? Todos estão funcionando?

Se sua venda envolve o direcionamento para o whatsapp é importante testar o funcionamento pleno dos links, para garantir que todos os caminhos da compra estão funcionando corretamente. 

2. Relevância

A relevância é um ponto chave para você se destacar no varejo online, pois vai tratar das estratégias que você usa para atrair as pessoas para seus produtos e soluções. Assim, tem relação com o tipo de relacionamento que você constrói com seu público, e por isso precisa estar alinhada com os interesses e espaços onde essas pessoas circulam.

  • Estratégia de conteúdo

Para criar relevância em seus canais é necessário definir uma estratégia de conteúdo, listando temas que têm relação com o interesse do seu público e que de certa forma se relacionam com seu produto. 

Se você vende artigos de iluminação, por exemplo, criar relevância com conteúdos sobre arquitetura, ajustes e reformas no estilo “faça você mesmo” ou ainda, dicas e conteúdos sobre jardinagem podem fazer seu público se engajar e perceber que a sua marca gera benefícios além do produto e da venda.

  • Anúncios e mídia paga

Entender o momento certo de aparecer para seu público também é de vital importância para se destacar, por isso, é fundamental que você entenda como pode fazer anúncios e se fazer presente na jornada do seu público na internet.

3. Constância

Por fim, mas não menos importante, a constância é um elemento crucial para que a funcionalidade e a relevância não sejam em vão. Assim, não adianta interagir com seu público apenas em um período de promoção, por exemplo. É necessário entender que, para que o varejo online seja expressivo em número de vendas, o atendimento e a dedicação precisam ser diários. Portanto, inclua em sua estratégia manter a constância tanto no que diz respeito aos anúncios e interações diretas para as vendas, quanto em conteúdos e informações relevantes para a criação de um relacionamento.


Além disso, cuide para que as informações sobre os produtos, canais de venda, troca, estejam claros e atualizados, isso inclui os links disponíveis para as compras, os canais de atendimento e as políticas praticadas pela sua marca. Com isso, seu varejo online estará estruturado para vender mais de forma sólida.

Os comentários foram encerrados, mas trackbacks e pingbacks estão abertos.