A importância do capital de giro para saúde financeira da sua empresa

A importância do capital de giro para saúde financeira da sua empresa

Tempo de leitura: 3 minutos

Todo negócio precisa de um bom equilíbrio financeiro para manter-se competitivo no mercado. Neste artigo, vamos explicar qual é a importância do capital de giro para as empresas e como ele é essencial para a saúde financeira do seu negócio.

O capital de giro, como o próprio nome sugere, serve para cobrir custos e despesas de curto prazo em seu negócio. Uma empresa com baixo capital de giro corre riscos enormes, tendo em vista que qualquer eventualidade, crise financeira ou recessão pode trazer consequências sérias para a manutenção da empresa.

Confira neste artigo onde o capital de giro deve ser utilizado nas empresas e como ele impacta na saúde financeira do seu negócio:

Financia as operações da empresa

Muitas empresas acabam perdendo espaço no mercado por não terem condições de arcar com as despesas de curto prazo e eventualidades. E negócios que se enquadram neste perfil acabam se endividando cada vez mais para continuar com as atividades, comprometendo os recursos e diminuindo a margem de lucro.

O capital de giro serve justamente para evitar um colapso financeiro da empresa. Ou seja, é uma reserva que garante o funcionamento das atividades e cobre custos e despesas como:

  • Pagamentos de dívidas em curto prazo;
  • Compra de insumos e matéria-prima;
  • Pagamento de fornecedores;
  • Impostos;
  • Despesas com funcionários;

Basicamente, o capital de giro destina-se a cobrir contas a receber, estoque e para eventualidades que possam surgir no dia a dia. Portanto, independentemente do tamanho da sua empresa, ter um bom capital de giro é essencial para o sucesso do negócio.

Permite vendas a prazo

As vendas a prazo representam uma parcela significativa do faturamento das empresas no Brasil. Sendo assim, o capital de giro é o recurso que permite que sua empresa consiga vender a prazo e manter-se competitiva no mercado.

Muitos clientes não compram a prazo simplesmente porque querem, mas sim pelo fato de que esse modelo de compra é o que melhor se encaixa na sua realidade financeira. E uma empresa que não vende seus produtos e serviços a prazo, já está perdendo para a concorrência.

Por isso, o capital de giro é um recurso importante para que sua empresa seja competitiva e consiga fazer negócios com uma quantidade ainda maior de clientes.

Cobrir despesas não planejadas

No dia a dia das operações da empresa, muitas eventualidades que oneram o orçamento podem ocorrer. E muitas vezes são situações que comprometem o funcionamento das atividades, exigindo uma rápida tomada de decisão para solucionar o problema.

Desta forma, ao invés de contrair dívidas ou comprometer parte do lucro do mês para cobrir uma despesa não planejada, o empresário pode utilizar o recurso do capital de giro e manter as atividades da empresa sem comprometimento de outras áreas.

Sustentabilidade da empresa

Por fim, o capital de giro torna-se fundamental para o equilíbrio do negócio, deixando-o mais sustentável financeiramente. Como dissemos, o endividamento é um problema bastante frequente nas empresas de todo o Brasil.

Porém, quando isso ocorre, uma boa parte do que poderia ser o lucro da empresa, fica retido em pagamento de juros, taxas e outros custos por endividamento e atrasos nos pagamentos. Sendo assim, o capital de giro é essencial para a sustentabilidade da empresa, mantendo uma boa margem de lucro nas operações e colaborando para uma gestão eficiente.

Deixe uma resposta